quarta-feira, 20 de abril de 2016

Cuspes e mentiras no zoológico da Câmara dos Deputados

Bem, vou ter que voltar ao assunto do momento: os cuspes dos deputados que não tem a menor noção de decoro parlamentar!

Primeiro gostaria de retificar uma informação. No vídeo em que vi a reportagem da Rede Record, tinha entendido que o Dep. Jean Wyllys teria premeditado o ato de cuspir no Dep. Jair Bolsonaro, quando na verdade ele relata ao Dep. Chico Alencar que cuspiu no Bolsonaro, ou seja, a falava foi posterior ao ato. Desta forma, peço desculpas pela falha e reitero o pedido a Wyllys. Mas deixo bem claro que só peço desculpas por está falha na narrativa, pois continuo achando um absurdo o ato praticado pelo parlamentar.

Por esse motivo, recrimino publicamente o Dep. Eduardo Bolsonaro que mentiu descaradamente em seu vídeo ao afirmar que jamais cuspiria em outro parlamentar por não ser essa a conduta correta. Pois bem, em um vídeo que registra a confusão por outro ângulo, foi registrado o cuspe de Eduardo na direção de Wyllys. Clique aqui para assistir o vídeo na reportagem do Jornal Extra.

Já que retornei ao tema, volto a questão do controle da narrativa também. Em post publicado pela assessoria de comunicação do Dep. Jean Wyllys, tentam de alguma forma justificar o ato de Wyllys pelo passado de destemperos de Bolsonaro. Bolsonaro pode ser um energúmeno, mas não existe desculpa para a cusparada de Wyllys. Que Wyllys fizesse o correto e entrasse com uma queixa no Conselho de Ética da Câmara, mas ao agir como uma lhama, perdeu a razão, por mais que tivesse sido provocado. Podem falar que Wyllys não tem "sangue de barata" e tal, mas errou e deve ser punido. Assim com errou Eduardo ao revidar cuspindo em Wyllys!

Wyllys e Eduardo merecem a cassação do mandato por quebra do decoro parlamentar sim! A Câmara dos Deputados já é exótica demais para que esses dois pensem que estão interpretando lhamas em um zoológico! Já não bastam os políticos paquidérmicos que tanto atrasam o Brasil?

Lhamas se encarando. Será que podem ser eleitas como deputadas no Brasil?
Fonte: Internet

Outro ponto é a falta de provas documentais sobre os relatos de Wyllys sobre tais xingamentos que alega ter sido vítima. Lembro que Wyllys gravou ou transmitiu, não sei ao certo, o voto do Dep. Ivan Valente, e coloco o link do vídeo do voto para demonstrar o que vou falar. Hoje a tecnologia é farta e qualquer pessoa pode gravar ou transmitir um vídeo ao vivo. Tanto que Wyllys o fez durante o voto de Ivan Valente e Eduardo usou o celular para gravar a agressão de Wyllys a Bolsonaro. Então pergunto: onde estão os companheiros do PSOL para ajudar Wyllys a registrar os fatos e corroborar com provas documentais o que alega? Ficar nas afirmações é muito pouco quando se pode registrar tudo em vídeo. Podem alegar manipulação depois, como ocorreu no caso do vídeo do Eduardo, mas com tantas mentiras e tentativas de jogar com a opinião pública, nunca é demais se resguardar né? (Nada a ver com o caso, mas para ilustrar o que quero falar, gostaria de comentar rapidamente o que ocorreu com Tico Santa Cruz no voo da Gol. Quem leu o relato do artista pode achar que ele foi uma vítima inocente, mas poderá perceber nesse vídeo, que ele só inicia a gravação com o próprio celular após ser comunicado que não iria permanecer no avião. Desta forma, usou da tecnologia para gravar o que lhe interessava. Mas como não vou tratar desse caso, encerro aqui o comentário.)

-=-=-=-=-

Aproveitando o tema sobre punições, vou comentar o circo que se formou após o voto de Bolsonaro com direito a dedicatória ao Coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra.

Vi diversas reportagens e posts de indignados sobre tal dedicatória. Da minha parte Bolsonaro não terá elogios pelo ato imbecil que praticou ao citar o Coronel Ustra em seu voto, mas também não terei uma indignação seletiva como a dos militantes esquerdistas. Repudio veementemente todos os deputados que citaram terroristas, assassinos, torturadores e afins, como Carlos Marighella, Luis Carlos Prestes, Leonel Brizola, dentre outros! Você pode ver os vários absurdos ditos durante a votação da admissibilidade do processo de impeachment neste link e neste outro link. Só quem nunca assistiu uma votação pela TV Câmara ou TV Senado que se assusta com o nível dos parlamentares brasileiros.

Por fim, também vi, por meio de um post (clique aqui para ver o post) na página do Dep. Chico Alencar, que o PSOL entrará com uma denúncia por apologia ao crime junto ao Ministério Público e outros órgãos contra Bolsonaro. Tal ato, vindo do PSOL, não me surpreende em nada! Mas questiono a falta de uma oposição real e mais combativa aos criminosos da esquerda e extrema-esquerda. A oposição que gostaria de ver, deveria denunciar todos os deputados que citaram terroristas e afins, sem exceção! Porém, não posso esperar muito dos políticos que habitam o Congresso Nacional, principalmente dos esquerdistas moderatos que fingem fazer oposição e não passam de uma farsa para angariar votos na primeira oportunidade com esse falso discurso.

E não pensem que o voto nas próximas eleições mudará algo nesse país. Em um próximo texto irei tratar do sistema eleitoral brasileiro e vou mostrar que ele foi projetado para ser podre mesmo.

segunda-feira, 18 de abril de 2016

A fanfic de Jean Wyllys e a verdade!

Ontem o Brasil acompanhou a votação pela admissibilidade do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. Muitos brasileiros se assustaram com o nível dos discursos, talvez por não acompanharem a política de perto, talvez por não assistirem votações da Câmara ou do Senado.

Realmente era um circo de horrores. Muitos deputados justificavam seus votos das mais diversas formas possíveis, ou diria impossíveis. Como o brasileiro também não entende das legislações que embasam o processo de impeachment, tudo isso virou piada rapidamente. A intenção não é me prender aos absurdos que foram ditos, isso daria um texto a parte. Esse post é para abordar a fanfic criada após um ato que joga o decoro parlamentar no lixo!

Quando saiu a notícia sobre o Dep. Jean Wyllys cuspindo no Dep. Jair Bolsonaro, já estranhei a história. Pois sei como alguns esquerdistas agem para jogar para as suas militâncias e manipulam as emoções de seus seguidores. E podem ter certeza, Wyllys sabe como manipular muito bem seus seguidores, principalmente quando a outra parte é o Bolsonaro. Basta ver o post de Wyllys no Facebook, reproduzido abaixo.

Post do Dep. Jean Wyllys com seus argumentos para o ato praticado em sua página do Facebook
Fonte: Reprodução/Facebook

Em uma das reportagens que li após o ocorrido, Wyllys alegava que tinha sido xingado e que Bolsonaro tentou agarrar o braço dele. Pois então, nas primeiras imagens de vários vídeos já tinha visto que a parte em que Wyllys alegava que Bolsonaro tentou agarrar o braço dele era mentira, como pode ser visto no vídeo abaixo. E para mentir sobre as ofensas não faria muita diferença diante seu discurso de apelo emocional de ofendido.

Vídeo que mostra o Dep. Jean Wyllys cuspindo na direção do Dep. Jair Bolsonaro

Também tinha notado que o Dep. Eduardo Bolsonaro, filho de Bolsonaro e deputado federal por São Paulo, estava gravando pelo celular e esperava pela divulgação do vídeo, que iria comprovar as ofensas ou não. E não foi surpresa nenhuma quando o vídeo foi divulgando comprovando que não teve xingamento nenhum, mas teve "Tchau querida!"!

Porém, antes de assistir o vídeo do Eduardo Bolsonaro, gostaria que você assistisse a um vídeo da Rede Record que mostra Wyllys contando ao Dep. Chico Alencar que iria cuspir na cara de Bolsonaro, tornando-o, no mínimo, cúmplice dos atos que iria praticar. Para assistir o vídeo, clique aqui.

Agora que você assistiu a reportagem da Rede Record sobre a premeditação de Wyllys. Assista o vídeo do Eduardo Bolsonaro sobre o acontecimento de ontem clicando aqui. Peço que assista o vídeo todo, mas se quiser assistir Bolsonaro "ofendendo" Wyllys com "Tchau querida!", pode avançar o vídeo para 2 minutos e 54 segundos.

A pergunta que faço para finalizar esse post é: como fica a narrativa da história com os fatos revelados nos vídeos? A esquerda vive de controlar as narrativas, mas a fanfic de Wyllys foi desmontada pelos fatos registrados nos vídeos! Não existe nenhuma outra realidade paralela em que os fatos mudem e que tornem o ato praticado em algo diferente de um erro. E se Bolsonaro entrar com o processo contra Wyllys por quebra de decoro parlamentar, vai ser muito difícil inventar uma desculpa com tantos vídeos mostrando a verdade.

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

TCLivre no Faebook

Sei que o blog ficou abandonado por muito tempo, mas tenho uma boa notícia para quem gosta do que escrevo!
A página que criei no Facebook para o blog está sendo atualizada com comentários sobre notícias, política e postagens de outras páginas. Tudo graças a facilidade que o Facebook implementou recentemente e tornou as postagens na página bem mais práticas.
Estou tentando me organizar para escrever pelo menos um texto por semana, mas por enquanto está difícil escrever "textão". Sendo assim, segue o link da página para que possam curtir:

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Ela manda em tudo, mas não sabe de nada

O lema da campanha de Dilma Rousseff era "Governo novo, ideias novas", mas nada mudou após a posse! Pelo contrário, está cada vez pior! Dilma possui uma característica marcante, ela é centralizadora! Para alguns esta característica é boa, e ao opinar acabam por demonstrar um pouco da guerra midiática que o governo trava, através dos "progressistas", com a imprensa, por enquanto livre, porém dependente de certa forma da propaganda do governo.
Aparentemente Dilma conseguiu escolher os ministros de acordo com sua vontade, aqueles que cabia a ela escolher dentro do loteamento político da Esplanada dos Ministérios. Algumas escolhas não agradaram alguns partidos, políticos e até movimentos sociais e financiadores de campanha, foi o caso da escolha de Kátia Abreu para o Ministério da AgriculturaLula liberou senadores e deputados do PT a fazer críticas que julgarem necessárias, pedindo que fossem feitas sem constrangimento a presidente. Alguns membros do PMDB, já na posse, articulavam-se para uma "rebelião".
Porém, esse post não é para comentar sobre o futuro "fogo amigo" que Dilma enfrentará em seu segundo mandato, mas sobre o seu péssimo defeito político, o de não conseguir delegar nenhum poder aos seus ministros.

39 ministérios e vários interesses
Dilma e seus 39 ministros
Fonte: Wilson Dias/Agência Brasil
Dilma tem 39 ministérios sob seu comando, a princípio as decisões políticas são de sua responsabilidade. Alguns partidos querem ministérios importantes pelos orçamentos bilionários que possuem. E não podemos esquecer dos cargos do segundo escalão! E que fique claro, isso tudo é um jogo de poder político, não pelo bem do país! A política no Brasil tende a ser podre e pouco se importar com o povo, por mais que no discurso seja diferente.
Bem, voltando. Ao que parece, quem manda nas macropolíticas é a Dilma. E isso fica bem claro em alguns momentos. Vejamos alguns exemplos:
Nelson Barbosa, ministro do Planejamento, declarou que haveria mudança na regra de reajuste do salário mínimo, o que não agradou em nada a presidente Dilma e mandou que ele divulgasse uma nota desmentindo as afirmações e dizer que nada mudaria, como pode ser visto na nota assinada pelo ministro e divulgada:
O ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Nelson Barbosa, esclarece que a proposta de valorização do salário mínimo, a partir de 2016, seguirá a regra de reajuste atualmente vigente. Essa proposta requer um novo projeto de lei, que deverá ser enviado ao Congresso Nacional ao longo deste ano.
Talvez essa questão com o Nelson Barbosa responda a dúvida de algumas pessoas quanto a autonomia dos ministros no governo Dilma.
Ao assistir a entrevista de Cid Gomes, ministro da Educação, ao programa "Bom dia Brasil", da rede Globo, percebi que ele cometeu alguns deslizes. Logo em sua primeira fala temos: "(...) O meu papel, ao longo desse mandato como presidente (sic), é seguir orientações da presidenta Dilma, (...)". Ao ser questionado sobre a avaliação de professores, Cid Gomes vai respondendo e solta mais uma: "(...) Então, tudo que for de programa, que for implementado, seguindo a orientação da presidenta Dilma, eles devem ter, como premissa fundamental, a voluntariedade. (...)". Em outro momento temos mais uma confissão de quem manda é a Dilma: "Eu sigo orientações. Todas as missões que tive até hoje eu era o chefe do Executivo. Agora eu sou um auxiliar da presidente Dilma. Tenho que cumprir, em primeiro lugar, compromissos que ela assumiu, (...)".
Ou seja, a Dilma manda e eles obedecem. Assim, se algo der errado, de quem será a culpa? Do ministro ou da presidente? Bem, o tempo se encarregará de dar essas repostas, até para aqueles militantes que negam qualquer possibilidade.

Dilma, de "gerenta" a "presidanta" ... que não sabia de nada
Enquanto ministra, Dilma foi nomeada por Lula como gerente do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), que teve sua segunda fase, o PAC 2, lançada em 2010 para servir de vitrine para a primeira candidatura de Dilma a presidência. Porém, nenhum dos dois programas foram concluídos. Mas isso não impediu Dilma, agora como presidente, de lançar o PAC 3 no ano passado.
Mas porquê estou falando sobre o PAC? Bem, como vimos, Dilma gosta de controlar tudo. Alguns dos projetos da primeira fase do PAC, são a usina hidrelétrica de Belo Monte, a transposição do rio São Francisco e a refinaria Abreu e Lima, e não preciso dizer que tais projetos estão superfaturados e não foram concluídos?
Bem, alguém poderia alegar que Abreu e Lima já está operando, mas não poderá negar que a refinaria não está totalmente concluída. Mas o que me interessa é que a obra faz parte das investigações da Operação Lava Jato. Outro fato é que Dilma foi presidente do Conselho de Administração da Petrobras entre 2003 e 2010.
Aqui temos o porquê da segunda parte do título desse post! Como é possível uma pessoa que gosta de centralizar e demonstrar que manda em tudo, não saber de nada do que acontece? É praticamente impossível que Dilma não tenha conhecimento do que acontece, ainda mais sendo tão próxima de Graça Foster ao ponto de defendê-la e afirmar que a demissão é desnecessária.
Neste ponto Dilma é diferente de Lula, porque Lula possui uma grande força política e consegue delegar tarefas, com isso, pode alegar que não sabia de nada. Foi o que aconteceu no Mensalão, com isso só podemos ficar nas suposições, já que seus subordinados nunca entregarão o chefe.
Para Dilma só existe duas soluções, e para os que gostam do estilo de comando da "presidenta" nenhuma delas deve ser viável. A primeira é assumir que que não sabia realmente de nada e receber o título de incompetente sem reclamar. Já a segunda é assumir que sabia, mas que se fez de "João sem braço" para pegar os corruptos. O problema da segunda opção é que vai queimar tanta gente que é mais fácil ela ir para a fogueira primeiro.

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Que venha 2015!

2014 foi um ano com vários acontecimentos, infelizmente estive ausente do blog, cheguei a rascunhar alguns textos, porém não os publiquei. O que vou tentar resolver em 2015, quero escrever e publicar o que penso, mostrar para algumas pessoas que elas não estão sozinhas no mundo!
Digo isso porque conheci algumas pessoas pelo Facebook, e isso fez toda a diferença, me dá ânimo saber que não estou lutando sozinho contra o socialismo bolivariano. Assisti o "O mordomo da Casa Branca" esses dias e vi como guerra política, tema abordado pelo Luciano Ayan no excelente sítio Ceticismo Político, é importante. Temos que iniciar nossa reação e lutar essa guerra!
É por isso que, mesmo atrasado, vou tentar publicar comentários sobre fatos passados, mesmo que só sirvam como registros públicos do que penso. Pelo menos ficarão aqui para retirar qualquer dúvida sobre o que penso ou não.
Bem, aproveito para desejar a todos uma passagem de ano tranquila e que tenham se preparado para 2015, pois não será um ano fácil, assim como não será fácil esses próximos 4 anos com a Dilma na presidência. Isso não foi por falta de aviso, já comentava desde as eleições de 2010 que 2015 era uma boma relógio, mas era chamado de teórico da conspiração pelos esquerdistas ignorantes em qualquer assunto, sim, pois não são ignorantes só em economia, mas em qualquer assunto, desde que não seja mimimi ou vitimização, ai eles são campeões em conhecimento.

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Então é natal... e exigimos cestas básicas de novo!


Aconteceu novamente em Belo Horizonte, mas dessa vez os manifestantes do Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas (MLB) foram ao supermercado Via Brasil, no bairro Itapoã, região da Pampulha.
Policiais acompanhando os manifestantes durante o ato "pacífico".
Foto: Euller Junior/EM/D.A.Press
O ato contava com faixas e megafones, além dos manifestantes "cantarem" palavras de ordem. Para Leonardo Péricles, um dos líderes do movimento, explica os motivos da manifestação:
O ato faz parte da campanha natal sem fome e sem miséria. Queremos mostrar que mesmo com o Bolsa Família, várias famílias passam fome.
E complementa comentando:
Vamos exigir que o supermercado tenha proposta social. Eles estão faturando rios de dinheiro equanto (sic) isso milhares de famílias estão passando fome.
Relataram que o supermercado teria oferecido 50 cestas básicas, mas a informação foi desmentida por Cássio Guilherme Coutinho, diretor comercial do Via Brasil. E mesmo que fosse verdadeira, a proposta não seria aceita, pois Leonardo Péricles salientou:
Queremos pelo menos duzentas cestas. Estamos em negociação pacífica com o gerente e só sairemos daqui quando a conversa avançar.
Para Cássio Guilherme Coutinho a situação não era justa, pois a empresa já participa de outras campanhas de solidariedade, e afirmou:
Somos uma empresa séria e honesta. Estamos aqui há 56 anos. Isso que eles estão fazendo não é ético, não é certo, e não vamos dar as cestas.
Para evitar possíveis problemas, Para evitar possíveis problemas, a Polícia Militar foi acionada. No local, os PMs cercaram todas as saídas do supermercado e orientaram que outros lojistas fechassem as portas mais cedo para evitar tumultos e saques. O Tenente Ronne Rodrigues, coordenador do 13º Batalhão da PM, explicou que
Não queremos criar um impacto ainda maior. Vamos agir se houver crime, mas esta tudo pacífico. Conversamos o tempo inteiro.
Por volta das 22 h, o Tenente Ronne informou que muitos manifestantes já haviam deixado o local. Porém,
Aqueles que continuam o protesto em frente ao supermercado prometem até dormir ali para que as solicitações sejam atendidas. Os ânimos do grupo se acalmaram. Segundo o gerente, ainda não há nenhuma decisão por parte do Via Brasil.
Tal situação atrapalhou a vida de outras pessoas que só desejavam realizar suas compras com tranquilidade. Foi o caso de Inês Maria do Carmo, de 45 anos, que se incomodou com a situação e comentou:
Vim fazer vários tipos de compra, e não consegui comprar nada,  porque todas as outras lojas (do mini-shopping anexo) também estão fechadas. Lá dentro tinha diversas crianças pedindo dinheiro para a caixinha de Natal deles... Isso me atrapalhou bastante.
Já para outra cliente, a estudante Thais Rais, de 18 anos, a manifestação surtiu efeito, ela se sensibilizou e decidiu ajudar. E comentou a situação, lamentando ao final:
Estava aqui por acaso e apoio esse movimento. Quando vi, decidi doar uma cesta. Até chamei as pessoas para doarem comigo, mas a maioria olhou com cara feia e não quis.
Charlene Cristina, da comunidade Rosa Leão, disse que encaminharam ofícios pedindo doação das cestas para vários supermercados, e reclamou do Via Brasil
Queremos solidariedade com as famílias das ocupações que também constroem a cidade. Estamos aqui pelo benefício do nosso Natal. Natal é consumo, mas também é preciso solidariedade.
A solidariedade deve ser voluntária!

Como falo diversas vezes, as pessoas precisam aprender os conceitos corretos. No caso da solidariedade, como de outras virtudes, deve ser voluntária! Não se pode exigir que pessoas pratiquem atos vistos como bons sob ameaças, pois não haverá um ato voluntário e sim uma coação do suposto oprimido social. E como já comentei anteriormente, tal coação pode ser caracterizada como extorsão.

Isso se chama extorsão!

Como escrevi no post do ano passado, exigir solidariedade através de manifestações que acabam por impor medo a outras pessoas é extorsão, crime previsto no Código Penal. Porém, a sociedade não aparenta estar tão incomodada ao ponto de exigir o cumprimento da Lei nesses casos. Aliás, se alguém o fizer, será chamado de preconceituoso e provavelmente sofrerá uma série de insultos e xingamentos gratuitos.

Vamos aprender um pouco?

Espero que as pessoas que concordaram com tais manifestações aprendam os conceitos de forma correta. E se decidirem praticar tal ato de caridade, que o façam sem reclamar da cara feia dos outros, pois ninguém é obrigado a fazer nada para ninguém.
Para entender onde a solidariedade se encaixa no pensamento libertário, recomendo o artigo Subsidiariedade e economia de mercado do economista Ubiratan Jorge Iorio no sítio do Instituto Ludwig von Mises Brasil.

----

Reportagens:

sexta-feira, 25 de julho de 2014

Uma ótima notícia para a política brasileira!

Apesar do inchaço partidário, existem 32 partidos atualmente, a maioria com valores esquerdistas, o país  irá ganhar mais um partido, o Novo. Para você que ainda não conhece, clique aqui e visualize o sítio do Novo e aqui para visualizar a página no Facebook.
Após quase 4 anos de trabalho e cumprir os requisitos legais, a equipe do Novo entrou com o pedido de registro junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na quarta, 23 de julho de 2014, solicitando o 30 como número da legenda.
A Equipe do NOVO solicitando o registro como partido político no TSE.
Fonte: Partido Novo.
Os filiados do Novo poderão disputar eleições a partir de 2016, quando ocorrerão as eleições municipais no Brasil. O que poderá mudar de forma definitiva a forma de se fazer política no país.